• Twitter
  • Facebook

Apresentação Pagamento por Serviços Ambientais

Uma floresta em pé e bem conservada também tem valor financeiro. Mananciais limpos e preservados podem render lucros para proprietários rurais do entorno. São novas abordagens adotadas pelo Governo do Estado, que criou em 2012 e regulamentou em 2015 a Lei de Pagamentos Por Serviços Ambientais (PSA) para compensar proprietários rurais que adotam boas práticas de conservação ambiental.

O pagamento vai primeiramente alcançar propriedades da bacia do rio Piraquara 1, no município de Piraquara. Além desta, a Sema está contratando estudos para outras três bacias: rios Piraquara 2, Miringuava (Piraquara e São José dos Pinhais) e São Cristovão (Castro), que permitirá a remuneração de PSA para mais de 900 proprietários rurais destas três regiões. O PSA também vai beneficiar ainda neste ano proprietários de Reservas Particulares do Patrimônio Natural, com recursos para o desenvolvimento dos Planos de Manejos e o pagamento pelos serviços ambientais`



CHAMADA PÚBLICA


O Simepar abre processo de contratação de equipe técnica para realização de projeto referente ao Pagamento por Serviços Ambientais (PSA). 

Faça o download dos editais nos links abaixo:


EDITAL PARA COORDENADOR - PSA


EDITAL TÉCNICO - PSA

Recomendar esta página via e-mail: